Aline Barros vence o Grammy Latino 2012 -Fonte: Site Oficial Aline Barros


A cantora Aline Barros, foi premiada, nesta quinta-feira (15), com o Grammy Latino 2012,
 na categoria “Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa”, com o CD
Aline Barros & Cia 3, em cerimônia da Academia Latina de Gravação (LARAS), em
 Las Vegas. Sendo este álbum um dos mais especiais do ministério da cantora, que
 gravou grávida de sua filha, Maria Catherine.
“Estou radiante. Fiquei feliz só em receber a indicação, e hoje, não tenho palavras
para explicar o tamanho do minha felicidade. Este prêmio é o reconhecimento de
 muito trabalho, que faço sempre para glória do Senhor. Na realidade, fazer as coisas
com paixão no coração sempre vai ter um toque especial. Este álbum foi feito dessa
 forma: uma paixão ardente por eu estar vivendo um momento especial: a gravidez
de Maria Catherine. E por fazer a obra que Deus me ordenou. É muito gratificante
 obedecer ao Seu chamado e colher frutos disso. Obrigada a cada um envolvido
 neste projeto. Nossa comemoração será em grande estilo, com as crianças, no
 pocket Show do dia 23″, comemorou a cantora que já ganhou por quatro vezes
 (Fruto de Amor, Aline Barros & Cia, Caminho de Milagres e Extraordinário Amor
 de Deus) o Grammy Latino, sendo esta sua sétima indicação.
A Latin Academy of Recording Arts & Sciences, Inc foi criada em 1997, mas apenas
 em 2000 fez a primeira premiação das melhores produções fonográficas da América
 Latina, o Grammy Latino – que acontece por votação dos membros da academia.
 Devido ao grande crescimento da música gospel no Brasil, em 2004, foi criada a
 categoria de Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa – já que em
 2002 e 2003 o prêmio era entregue ao Melhor Álbum Cristão, onde concorriam CDs
 em português e em espanhol – e Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Espanhola.
Ao lado de Aline Barros foram indicados também ao 13º Grammy Latino: Sol Da Justiça,
 Ministério De Louvor Diante Do Trono; Inquieto Coração, Grupo Chamas; Mulheres
 Ao Vivo, Cantores De Deus; e Eletro Acústico 3, de Paulo César Baruk.

Postagens populares